livros

Livros | Call Me By Your Name, André Aciman

(Quero escrever sobre este livro desde que encontrei esta fotografia.)

No início deste ano comprometi-me a recuperar as minhas leituras diárias. Decidi que não iria comprar mais livros até terminar de ler todos os que tenho em casa; no entanto, no decorrer deste processo, aprendi algo sobre mim mesma: demoro uma eternidade a ler um livro que não me desperte interesse. Não desisto de o terminar, por isso levo-o na minha mala para onde quer que vá, mas por lá vai ficando. Quebrei a minha regra ao comprar o Call Me By Your Name. Gostei tanto do filme que comprei o livro uns dias depois, na versão original, que aconselho a quem se sente confortável com a língua inglesa, para que possam captar a essência da escrita de Aciman tal como é.

Read more “Livros | Call Me By Your Name, André Aciman”

moda

Moda | Styling: Essenciais de Outono

O verão tem sido a minha estação preferida desde que me lembro – por adorar a harmonia entre mar e calor, por me sentir mais leve e descontraída, por celebrar o meu aniversário… e por muitas outras razões. No entanto, o outono tem vindo a revelar-se, de ano para ano, uma estação cheia das coisas de que mais gosto – os tons castanhos das folhas caídas, a chegada dos dias menos quentes, a sensação de recomeço do regresso às aulas e/ou ao trabalho e, como não poderia deixar de ser, a moda. As coleções outono/inverno conquistam-me sempre, tornando-se muito mais fácil decidir o que vestir nesta altura do ano. E parece que o frio regressou de vez, por isso reuni alguns essenciais de outono que não dispenso em cada ano.

Read more “Moda | Styling: Essenciais de Outono”

moda

Moda | Conscious Fashion Series: Slow Fashion

No final do último post, em que dei início à nova série Conscious Fashion Series, deixei-vos uma questão: qual a alternativa a um modelo de moda que prima pelo desenvolvimento de problemas no âmbito social, económico e ambiental? Venho responder-vos a essa questão ao escrever sobre Slow Fashion – a alternativa sustentável no mundo da moda.

O conceito de Slow Fashion apareceu no início do novo século, alguns anos após as marcas terem começado a aderir à Fast Fashion. Ao contrário desta última, a slow fashion preza-se pelo equilíbrio entre a moda, a sociedade e o ambiente, fundamentando-se em valores como a responsabilidade e a transparência. A slow fashion pauta-se pelo respeito pela moda como uma forma de expressão artística, pela aposta na produção de qualidade, pela consciencialização acerca do grande problema que é o consumismo e pela sustentabilidade social e ecológica na elaboração das peças.

Read more “Moda | Conscious Fashion Series: Slow Fashion”

moda

Moda | Conscious Fashion Series: Fast Fashion

Começa uma nova série de posts no blog Conscious Fashion Series (nota-se que tenho o meu sentido criativo bastante apurado, não?). Neste conjunto de artigos, escreverei sobre moda consciente e responsável, introduzindo conceitos e movimentos nesta área. Estou bastante entusiasmada por partilhar convosco uma perspetiva que não é tão apresentada nos blogs de moda e, com esperança, levar-vos a refletir sobre o impacto do consumismo na sociedade e no ambiente.

Fast Fashion é um modelo de produção e consumo de moda, que surgiu nos anos 90. Consiste na produção de roupas e acessórios fabricados, distribuídos, consumidos e desvalorizados de forma bastante rápida, o que origina diversos problemas ao nível social, económico, ambiental. Apesar de cada vez mais se dialogar sobre as condições de trabalho na produção de moda, a par do impacto desta indústria no nosso planeta, há ainda que percorrer um longo caminho para que se ganhe verdadeira consciência sobre este assunto.

Read more “Moda | Conscious Fashion Series: Fast Fashion”

moda

Moda | My Fashion Icons

Decidi escrever-vos sobre as minhas grandes inspirações na moda. De épocas bem diferentes, desde as fotografias a preto e branco ao instagram, estas mulheres são referências para mim no que diz respeito a elegância, sofisticação e simplicidade. Querem conhecê-las?

AUDREY HEPBURN, ou Elegance

A minha maior inspiração em classe e elegância – Audrey Hepburn. Desde autênticas obras de arte de Givenchy – com quem está na última fotografia – às peças mais simples, a Audrey assumia uma postura nas roupas que vestia, numa combinação de elegância, delicadeza e descontração, que raramente se encontra. Gosto especialmente da última fotografia, pela simplicidade tão própria da elegância. Sempre que me sinto influenciada a seguir determinadas tendências, pela forma demasiado simples como me costumo vestir, olho para as fotografias da Audrey e parece que volto a mim mesma. Para mim, aqui está a melhor prova em como a qualidade das peças, bem como os cuidados a ter com elas, podem determinar a elegância de um look tão simples como uma camisola de caxemira e umas calças de ganga.

Read more “Moda | My Fashion Icons”