moda

Moda | Styling: Transition to Fall

Estamos todas(os) de acordo se disser que as coleções de outono/inverno são as melhores, certo? Com a chegada de setembro, não consigo não me entusiasmar com as malhas, os botins, os trench coats – ah, os trench coats – que posso finalmente começar a usar depois dos meses de calor. No entanto, parece que este verão está a durar uma eternidade (not complaining, tho!) e ainda não consegui usar roupas de outono sem que trocasse para algo mais fresco antes da hora de almoço.

Como vos disse no início do mês, fiz um planeamento para as próximas semanas com muitas novidades para o blog – e decidi que queria arriscar no campo do vídeo. No entanto, depois de uma tarde em casa a filmar o que resultaria em algo parecido com os meus “essenciais de viagem”, percebi que alguns formatos não são mesmo para mim e que, de certa forma, estava a deixar-me sugestionar pelo conteúdo que tanto se faz nestes dias, quando na verdade não tenho disposição – nem skills, for the record – em gravar vídeos com a mesma qualidade e o mesmo propósito com que escrevo ou fotografo. Já aqui escrevi sobre autenticidade e genuinidade, mas parece que, de quando em quando, preciso de me relembrar das minhas próprias palavras. No final desse dia, percebi que gosto tanto de arriscar como de, depois de tomar o risco, regressar ao registo com que me identifico – e que, sem querer, facilmente se perdem as rédeas para caber em certos padrões.

Este mês podem esperar algumas publicações sobre a minha estação de moda preferida – se o tempo por Lisboa assim o permitir! Deixo-vos dois looks que usei esta semana – em fotografias, como tanto gosto -, em passeios pela minha cidade preferida. Gosto imenso daqueles dias, em meados de setembro, em que as temperaturas começam a ficar mais amenas, as manhãs começam ligeiramente mais tarde – e as tardes terminam também ligeiramente mais cedo – e as árvores começam a mudar as suas cores. Resume-se assim o meu cenário ideal para uns passeios na cidade nesta altura do ano. Para os primeiros dias de outono, gosto muito de regressar aos clássicos da estação: as malhas finas – tanto as camisolas como os casacos -, as calças de ganga (que não saíram do roupeiro durante o verão), as t-shirts, as camisas de manga comprida e os vestidos em tecidos mais robustos. Em termos de cores, esta fase da estação lembra-me muito um bom conjunto de castanhos. Sou a única? E por falar em castanho… Estou obcecada com esta mala! Quando era mais nova usava imenso tons camel, mas dou preferência ao preto desde há uns anos para cá. Quero começar a partilhar mais do meu estilo por aqui; por enquanto, podem acompanhar mais looks no meu instagram ou no meu facebook. E, por aí, quais as peças que não podem faltar na vossa transição para outono?

Inês Nobre
Um blog sobre o que mais me apaixona, como melhor me sei expressar - pela moda e pela escrita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *