viagens

Viagens | Memórias do Douro

Há dois anos, por esta altura, estava a conhecer o Douro. Foi um fim-de-semana muito tranquilo, que não me canso de relembrar, marcado pelas vistas lindíssimas da região vinhateira. Esta viagem rumo a norte entrou para o topo das minhas preferidas – e recordo-a com bastante carinho. Lembro-me de um brilho especial nas manhãs em que acordei por lá, com uma tímida luz do amanhecer que entrou pelo quarto e que me despertou com a calma de que bem precisava naqueles tempos. Nesta fase que vivemos, em que tanto se fala sobre apoiar o turismo no nosso país, recordo este fim-de-semana maravilhoso à beira do Douro.

Read more “Viagens | Memórias do Douro”
viagens

Viagens | Memórias de água quente

Estou cheia de saudades de viajar – umas saudades que aparecem quando menos espero, quando me cruzo com uma fotografia no pinterest ou um souvenir entre arrumações; umas saudades que se desvanescem, mas que regressam sempre. Estas semanas em casa têm sido, pessoalmente, muito boas para reestabelecer hábitos importantes para mim, de sono, de alimentação, de exercício, e para abrandar o andamento dos meus dias – slow living, lembram-se? Estou habituada a andar de um lado para o outro – a conhecer novos lugares ou a reencontrar alguns que me são agora familiares -, algumas vezes com o corpo num sítio e o coração noutro. No entanto, apesar de estar a olhar para a situação que surgiu, pela força das circunstâncias, como uma oportunidade para me recentrar, confesso que o bichinho das viagens anda meio desassossegado.

Read more “Viagens | Memórias de água quente”
viagens

Viagens | Nova Iorque

playing Billy Joel’s New York State Of Mind in the background

NYC – a cidade que me fez pensar esta deve ser a sensação de ter um sonho pela primeira vez. Desde que descobri que, do outro lado do oceano, existia uma cidade como Nova Iorque, que sonho em passear pelas ruas de Manhattan, de cappuccino numa mão, de telemóvel ao ouvido, de mala ao ombro, com sonhos para realizar. Cenário de filmes, de propósitos, de oportunidades, Nova Iorque sempre foi a cidade com que mais me identifiquei – e, de certa forma, para a qual sempre olhei como mais do que um destino de viagem. Não admira, por isso, que a primeira coisa que disse à minha mãe assim que começámos a andar pelas ruas da cidade tenha sido: sinto que estou em casa.

Qualquer pessoa que me conheça desde os 12 anos pode corroborar esta história: mudar-me para Nova Iorque foi o sonho da minha adolescência. Perdi a conta às vezes que admirei as ruas de Manhattan pelo pequeno ecrã; não me canso – e acho que nunca me cansarei – de ver a cena de abertura do Breakfast at Tiffany’s, com Moon River como fundo. Sonhei, por muitos anos, com um futuro em NYC – a viver num apartamento em Manhattan, enquanto conquistava o meu caminho na área da moda. Conhecer Nova Iorque fez-me regressar a essa parte de mim, que andou meio adormecida nos últimos anos.

Read more “Viagens | Nova Iorque”